PARE DE CULPAR O BOLSONARO PELO SEU FRACASSO


Só existe uma coisa mais medíocre que responsabilizar o governo pelo seu sucesso: é colocar toda a culpa do seu fracasso nele.
 
Bolsonaro está fazendo um bom governo? Não, no meu ponto de vista, não está conseguindo. No entanto, de nada adianta ficar culpando apenas ele pela atual situação.
 
Sabemos muito bem que quem iniciou essa crise foi a Dilma, quando obteve dois anos consecutivos de “crescimento de -3,5%” em 2015-2016. Isso provocou a atual crise que gerou pelo menos 13 milhões de desempregados, situação da qual ainda não conseguimos nos recuperar.
 
Eu sei que temos pressa. No entanto, culpar o governo atual pela crise é como levar um tiro de um esquerdista e depois colocar a culpa no médico direitista por não ter conseguimos nos curar a tempo.
 
Nós queremos resultado. Sabemos como a situação está horrorosa. Como estamos presenciando gerações de jovens desiludidos, saindo do colégio e faculdade direto para dentro de seus quartos para terem seus destinos relegados a anos de desemprego e subemprego sem dignidade alguma.
 
Culpar alguém não mudará nada. Se você acha que o Bolsonaro não está ajudando, não vote mais nele, mas o que realmente importa agora é que você faça algo para mudar a sua realidade. Se você não fizer, ninguém fará por você.
 
Sabemos que não há como usar copings para justificar essa situação, porém há muitos usando o Bolsonaro como coping para justificar seus fracassos, como se tudo fosse culpa dele, o que não é uma mentira conveniente para quem não quer encarar a verdade.
 

 

 

Comente com polidez!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s