Meu irmão quer uma namoradinha


Olha só que fofo.

Acabei de descobrir que meu primo alfinha (loiro, alto, atlético) está empurrando uma faveladinha gorda para o meu irmão.

Detalhes sobre o meu irmão:

1- Já repetiu de ano várias vezes.
2- Não sabe falar direito e fica com raiva quando alguém diz isso pra ele.
3- Por algum motivo, ele fede demais. Já sai banho fedendo. Não tem nada a ver com falta de banho.
4- Come apenas lixo. É gordo e possui “tetinhas” enormes. Está claramente estrogenado e me xinga sempre que falo que açúcar e glúten são venenos.
5- O garoto é retardado. Burro mesmo. Incapaz de conversar sobre assuntos complexos. Vê-Se que pra ele tudo é muito simples.
6- Ele vai terminar o Colégio – sendo passado – sem aprender nada. Ele não sabe nada de matemática nem de inglês, apesar de termos pago curso pra ele.
7- Ele é mimado e gosta de coisas caras. Ele ainda não entendeu qual será o seu futuro. Que será um gado na melhor das hipóteses. Na pior, um vagabundo desempregado dependente da mãe pra tudo e um futuro mendigo depois que ela morrer.
8- Ainda assim o garoto ainda quer namorar. Seu futuro é ser um beta provedor, um corno ou ficar deprimido depois que a mulher o largar por outro cara melhor (quase qualquer um).

Quando vejo alguns caras criticando o MGTOW penso no meu irmão. Acho completamente irresponsável uma pessoa como ele namorar ou se casar. Imagina se essa faveladinha transar com ele sem camisinha, engravidar de outro e depois dizer que ele é o pai? Ele é incapaz de ter malícia. É um alvo fácil e na minha opinião, não há chance para alguém nessas circunstâncias ser feliz num relacionamento.

Se ele não pagar pensão, será preso. Pode sofrer uma falsa acusação e não terá como se defender. Pra ele mulher é algo mágico. Mas não é. Na verdade, pra sujeitos como ele, é apenas algo trágico.

2 comentários

  1. Cara seu irmão tem que ler seu blog, ele também vai achar mágico, pois tá praticamente prevendo o futuro dele.

    Sr. Omar – Trágico

    Curtir

  2. Olá, tudo bem?

    Não sei como eu cheguei aqui é peço desculpas pela invasão. Esse espaço é seu. Sou mulher, feminista, mas em vez de ficar revoltada com seu conteúdo, achei interessante de alguma forma. Acho que expressa a dor de muitos homens hoje em dia, algo que estamos negligenciando.
    Acho que vc está mentindo e que esse não é seu irmão, é você. No mínimo, pode ser seu irmão, mas talvez você se identifique com muito do que descreveu dele. Gostaria de conversar mais sobre isso…
    sou mulher mais do que mediana. Sou gata, fazendo doutorado, classe média alta, falo inglês, francês, italiano e espanhol, mas mesmo assim tenho dores muito grandes, então consigo enxergar a dor do outro. Sei que meu discurso parece falso, mas se pudermos conversar, te provo que tudo é verdade. Espero que fique bem, do fundo do coração. Somos irmãos de caminhada 🙂

    Curtir

Comente com polidez!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s