Todo homem é um estuprador em potencial?


Como já dizia o Ministro da Propaganda de Adolf Hitler, uma mentira repetida mil vezes transforma-se numa verdade. Assim como os nazistas já usavam a mentira pra demonizar seus oponentes, hoje, as feministas parecem já ter aprendido essa lição.

Uma das frases mais repetidas pelas feministas é a famosa “todo homem é um estuprador em potencial”. Tal frase é demasiadamente desonesta. Seu conteúdo, a primeira vista, parece verdadeiro. Sim. Todo homem de fato é um estuprador em potencial. O problema é que, do ponto de vista lógico, QUALQUER pessoa é QUALQUER coisa em potencial.

O conceito filosófico de potência requer apenas a capacidade de alguém fazer alguma coisa para afirmar que é algo em potencial. Dessa forma, até mesmo mulheres são estupradoras em potencial, uma vez que toda mulher poderia, caso quisesse e pudesse, estuprar alguém.

Quando uma feminista diz que todo homem é estuprador em potencial o que ela quer incutir é a ideia de que APENAS os homens são estupradores em potencial. Uma outra finalidade desse discurso é colocar todas as mulheres num estado de medo paranoico perante os homens. E como a ideologia feminista é alimentada pelo ódio, é muito mais fácil você odiar aquilo que você teme e vê como inimigo. Nesse sentido, como não há nada pior que um estuprador, é muito útil taxar os homens como tal.

Por isso, amigos, não se enganem. Jamais permita que uma ideologia que promove a promiscuidade e o infanticídio de fetos coloque uma pecha criminosa em você. Se existe alguém criminoso nessa história são as feministas que nos caluniam.

Anúncios

3 comentários

  1. Dá pra refutar a afirmação deles em coma… Um adendo: “QUALQUER pessoas é QUALQUER coisa em potencial.” seria quaisquer, certo?!

    Curtir

  2. De forma grosseira: todo ser humano é um ladrão em potencial, pois possue mãos para roubar…todo ser humano é um soldador, pois possue mãos para soldar…todo ser humano é um médico, pois possue requisitos biológicos para medicar….todo ser…..haaa, relativismo barato enche o saco! Existe algo que se chama indole, que diferencia os safados dos decentes, e me parece que a má indole tem parte predominante nesses “seres” que relativizam tudo o que lhe és conveniente.

    Curtir

Comente com polidez!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s