A colonização espacial é possível?


Hoje nossos foguetes são muito caros e gastam muito combustível para viajar durante as missões.

Se pra cada kilo de carga hoje temos que levar 57 de combustível, pra tirar um foguete de toneladas do chão temos de levar toneladas de combustível. E como combustível pesa, viajar levando combustível gasta mais combustível. É como se fizéssemos uma viagem de carro e ao invés de pararmos no posto enchêssemos o nosso carro de galões de galosina. A saída seria se fosse possível enviar sondas aos planetas como robôs inteligentes programados para extrair energia do planeta de alguma forma, de modo que as naves pudessem abastecer de planeta em planeta até chegar no destino.

Além disso, para sair da atmosfera, é preciso uma força absurda e uma enorme queima de combustível. Para resolver esse problema o ideal seria construir um elevador espacial que teria que ser construído daqui até a saída da nossa atmosfera. De lá, as naves poderiam “decolar” sem o desgaste romper a atmosfera. Mas estamos longe dessa saída. A nanotecnologia necessária para criar uma liga capaz de formar um cabo tão indestrutível ainda é muito incipiente.

Quando houver esse elevador, poderemos enfim utilizar foguetes com propulsão nuclear sem que corramos o risco de, no caso de um desastre, causar uma destruição nuclear gigante na Terra.

Para resolver o problema dos gastos com comida e com tripulação o ideal seria povoar marte primeiramente com robôs com inteligência artificial, capazes de preparar o ambiente para a chegada de humanos num futuro longínquo, quando pudermos terraformar outros planetas.

O primeiro passo para colonizar o espaço seria criar primeiro uma base na Lua, de lá ir para Marte e depois extrair gases das nuvens de Vênus. Depois de Marte há um cinturão de asteroides e depois Jupiter, um planeta gasoso. A partir daí teríamos que explorar as luas desses demais planetas do sistema solar, que são todos gasosos.

Comente com polidez!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s