Lula, um presidiário presidencial


Olá amiguinhos!

Sim, ontem Lula foi preso. Lembrei disso hoje quando abri a janela do meu apartamento e vi que meu vizinho tinha colocado uma bandeira do Lula na sacada – talvez pra me provocar, talvez só pra ele passar vergonha mesmo. De qualquer forma, diferente de muitos antipetistas, nunca tive esse tesão todo em ver o Lula preso. Sempre quis ele atrás das grades, porém nunca achei que isso seria a solução de todos os problemas. A verdade é que colocá-lo numa cela é apenas um ato simbólico para alegrar o povão tal como os romanos faziam com o circo.

Desde a primeira vez que vi o Lula, não fui com a cara dele. Sempre odiei o PT, mesmo quando ainda não tinha um motivo racional para fazê-lo. Sim, no início era por puro preconceito mesmo, mas com o tempo, principalmente depois do mensalão, meu ódio irracional pelo PT foi ganhando gradualmente cores racionais.

Mas vamos direto ao ponto. Como Lula será visto pela história? Provavelmente como um presidente que morreu na cadeia – acho que vítima de suicídio. A prisão dele mancha não só a sua biografia como boa parte da agenda petista. Bem ou mal, a mesma esperteza que o fez acender como líder metalúrgico fez com que ele disputasse a presidência do país várias vezes, até que uma hora o povo desistiu de resistir e acabou o elegendo em 2002. Foi então que Lula teve a sorte de presidir o país exatamente quando as commodities brasileiras tiveram um aumento abrupto de preços. Esse crescimento econômico foi extremamente capitalizado para criar programas sociais e aumentar os gastos públicos. Medidas que, uma vez que as commodities baixaram, tornaram-se inviáveis.

Uma vez no poder Lula não teve o menor constrangimento de articular esquemas de corrupção ainda piores aos que criticava antes de chegar ao poder. Sua aliança fisiológica com partidos do “centrão” sempre foi baseada não em bases programáticas ou no clichê “o que for melhor para o Brasil”. A fórmula da governabilidade petista sempre foi a propina. Talvez pela total certeza da impunidade, Lula cometeu diversos deslizes que acabaram o prejudicando, como foi o caso do Triplex e do sítio de Atibaia.

Foi até irônico ver Lula ver sua carreira política acabar no mesmo lugar em que começou: no sindicato. Desmoralizado pela mídia e condenado por todas as cortes do país, restou a Lula se refugiar num sindicato de metalúrgicos de São Bernardo, onde acuado, tentou demonstrar sinais de força frente a uma plateia adestrada de pelegos. Cercado por tudo e por todos, Lula fez tudo o que pode para evitar sua prisão, inclusive apelou para uma missa em mémoria a sua falecida esposa – sim, a mesma que ele traía com a Rosemary Noronha. Suas ideias e discursos pareciam tão lúdicos que mais parecia o personagem de Hitler no filme A Queda. Assim como ele, Lula, refugiado no bunker sindicalista, era tomado por delírios e por uma narrativa fantasiosa.

Sem ter para aonde correr, só restou a Lula se entregar antes que polícia o tirasse de lá a força. Acabou que a missa de ontem, em memória da Dona Marisa na verdade não passava do próprio velório da carreira de Lula, que termina sua história como um NADA. Termina como começou, um sindicalista covarde, mentiroso, contrário às leis, um canalha ao qual a pena de morte seria a única punição cabível caso fosse permitida. Já vai tarde.

Agora só resta a Lula o frio e a solidão de sua cela nas masmorras de Curitiba, onde ironicamente, mesmo preso terá mais conforto que a maioria dos pobres que dizia defender. Entre as lembranças de seus louros, a raiva dos inimigos e as memórias de sua vida luxuosa, não demorará muito para que ele perceba que a única forma de tentar sair da história com alguma honra, mesmo que mínima, é imitando Getúlio Vargas e tentar dar um jeito de se matar lá dentro.

Por fim, Lula acaba sua história se igualando num ponto a Nelson Mandela, Mahatma Gandhi, Martin Luther King e Jesus Cristo.

Gandhi tinha 9 dedos.

Mandela tinha 9 dedos.

Jesus tinha 9 dedos.

Lula tem 9 dedos.

Coincidência? Acho que não… Mas somente um desses tinha exclusivamente 9 dedos.

Anúncios

Um comentário

Comente com polidez!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s