Trump, bolhas e bitcoins


Olá amiguinhos!

Enquanto escrevo esse texto, fenômenos vem ocorrendo, e quase ninguém vem apontando qualquer correlação entre eles. O primeiro e mais visível é a super valorização das bitcoins, que hoje estão em 69 mil reais e não param de subir. Muita gente vem alertando, com certo grau de razão, que a bitcoin pode estourar e passar a valer centavos, já que não existe nela valor intrínseco. No entanto, provavelmente, muita coisa acontecerá antes que a bitcoin caia, uma vez que a própria elevação do preço da criptomoeda é reflexo de algo muito mais complexo.

Como muita gente sabe, existe uma bolha no mercado imobiliário chinês. O governo, com a intenção de provocar crescimento econômico, deu incentivos para que construtoras pudessem levantar edifícios de forma irresponsável, a ponto de vermos cidades inteiras fantasmas com apartamentos de luxo vazios à procura de compradores. Num determinado momento, a bolha imobiliária estourará, derrubando o preço de todos os imóveis do país, quebrando os bancos que financiam tais imóveis, e por conseguinte, esfarelando as ações desses bancos no mercado financeiro, o que afetaria até mesmo o valor da moeda, o yuan. Milhões de chineses, sabendo da eminência desse futuro cataclisma, resolvem tirar seu recursos da China e, como o governo limita a fuga de capitais, restam-lhes comprar bitcoins para se protegerem.

Como milhões de chineses buscam a criptomoeda, que só possui 20 milhões de unidades, naturalmente o aumento da demanda, num bem de oferta estática, eleva seu preço. Logo, podemos comprar bitcoin à vontade, já que a criptomoeda é uma proteção contra crises que afetam as moedas nacionais. Em suma, quanto mais crise, melhor, e as crises não prometem faltar nos próximos anos.

Se a bolha chinesa é questão de tempo, nos EUA a situação não é das melhores.

Resultado de imagem para us stocks bubble
Bolha da internet em B, Bolha imobiliária em D. Como os juros ficaram baixos por muito tempo desde 2009, a falsa recuperação pode mostrar que a economia americana não aprendeu a lição com o último crash e cair novamente.

Donald Trump vive se gabando que o mercado financeiro vem batendo records desde que assumiu, mas quando a bolsa subia durante o governo Obama ele dizia – com lucidez- que havia uma bolha no mercado. A mesma bolha que antes alertava para o ex-presidente havaiano agora pode estourar no colo dele. É importante frisar que mesmo com um robusto crescimento, Trump goza de uma aprovação ínfima, de 35%, e que qualquer choque na economia poderia fazer seu governo escoar pelo ralo. Apesar de estar fazendo um governo impecável na área econômica, como a economia é cíclica, algumas hipóteses parecem viáveis:

A- A economia sobe sem parar. Trump se reelege e faz sucessor, coroando seu regime.

B- Trump acaba sendo impitimado após perder o congresso em 2018, mas seu vice, Mike Pence, vence as eleições de 2020.

C- A economia vai a baixo antes de 2020, assim como ocorreu em 2008, fazendo com que o candidato democrata mais radical e populista vença.

D- A economia rui após 2020, impedindo Trump de nomear um sucessor. Um democrata socialista vence e reverte suas principais medidas.

Concluindo, se eu fosse o Trump eu compraria umas bitcoins. Só por precaução…

Comente com polidez!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s