10 motivos pelos quais homens preferem travestis


Olá amiguinhos!

Hoje eu acordei, fiz meu afazeres e no meio da tarde, meio sem nada para fazer, perguntei-me: o que leva um homem hétero a sair com uma travesti?

Após alguns minutos da mais pura e completa reflexão, eu, que já morei BEM próximo a um ponto de prostituição, cheguei a algumas conclusões:

1- Medo

Muitos homens, por preconceito, tem curiosidade de explorar as capacidades erógenas do seu ânus. Com medo de fazer sexo com um homem criado, eles procuram um homem, que ao menos em tese, se parece com uma mulher. Logo, o travesti seria uma “porta de entrada” a esse mundo.

2-  Desmotivação

Existe uma casta seleta de comedores, do tipo que comem qualquer mulher, qualquer uma. Eu me recordo que anos atrás, 3 dos meus melhores amigos eram modelos, e um deles em especial, era um deus grego, e era inclusive assediado pelas mulheres do trabalho dele, sendo que vira e mexe ele cedia as pressões e comia uma galera. Esse tipo de cara, ao chegar numa determinada idade, já pegou tudo o que é tipo de mulher. E já está desmotivado. Nada mais o anima. Então ele resolve experimentar algo “novo”.

3- Fetiches

Todo mundo tem fantasias sexuais. Eu, por exemplo, nunca fiz sexo, logo, devo ser a exceção para essa regra. Mas tem gente que sonha em comer as capas da Playboy, já tem outros caras que sonham em ser enrabados pelos atores da novela… A vida é assim. Cada um tem o seu fetiche. Alguns gostam de mulher “com surpresinha”.

4- Femininas

Muitas são as reclamações de que já não se fazem mais mulheres como antigamente. Hoje em dia as mulheres estão buscando elevar suas carreiras profissionais e cada vez menos preocupadas com a aparência. Em contrapartida, 10 entre 10 travestis são preocupadas com a aparência, sempre fazendo cirurgias e usando roupas e maquiagem que exaltam suas feminilidades.

5- Álcool e drogas

Existem casos em que o indivíduo está sob o efeito de álcool e drogas, incapaz de distinguir entre um homem e uma mulher, e sedento por alimentar o despertar dos seus instintos mais primitivos. Nesse caso, os travestis se tornam uma opção.

6- Preço

Em muitas cidades, os serviços sexuais de um travesti é mais caro que o das prostitutas de luxo, mas isso não reflete a realidade do Brasil. A despeito da existência de algumas “travestis de luxo”, que prestam “serviços” para empresários e políticos, a maioria dos travestis de rua vende o corpo por pouco. Pelo preço de um Big Mac é possível conseguir um travesti nas principais capitais do país. E ainda é possível pechinchar e ainda há quem faça de GRAÇA!

7- Emoção

Como já dizia o saudoso doente mental Gustavo Guerra, nada pode ser mais emocionante que um encontro com um travesti. Como muitos são naturalmente violentos e comumente andam armados com facas e estiletes, a qualquer momento o programa pode ser interrompido por um ataque fatal. Não raramente, o travesti entra em confronto após o programa, por discordar do valor dado ou por não ter sequer recebido em troca dos serviços. Essa incerteza acaba provocando excitação em muitos homens, como era o caso do Gustavo, que Deus o tenha.

8- Semelhança

Sejamos francos. Hoje em dia o que não está faltando na praça é mulher feia. Vocês já entraram num ônibus? Os homens nas novelas são criados desde cedo vendo belas mulheres com corpos sinuosos e esculturais. Ai crescem e estão cercados de mocréias por onde quer que vão. As únicas pessoas que tem corpos sinuosos perto deles, apesar de não serem mulheres no sentido estrito do termo, são justamente os travestir. Fora isso, hoje em dia tem mulher que é tão feia, mas tão feia, que até os travestis já estão mais bonitos que uma grande parte da mulherada.

9- Amor

Não é muito comum, mas acontece. Há inúmeros casos de homens que se apaixonaram por mulheres, e só mais tarde, às vezes depois de meses ou anos, descobriram que eram travestis. Como todos sabemos, não existem fronteiras para o amor. O amor não conhece o preconceito. Em muitos casos, o homem heterossexual passa por cima dos preconceitos da sociedade e assume um relacionamento estável com sua travesti. Já há até casos em que houve inclusive casamento na igreja.

10- Epidemia anal

Nos últimos anos, uma febre está se espalhando entre a nossa juventude. Trata-se do sexo anal, que para quem não sabe, é o sexo feito introduzindo o pênis do homem – VEJAM SÓ! – no ânus da parceira. Como se não fosse o suficiente, o pênis fica se friccionando dentro do ânus da pessoa. O sexo anal pode ser heterossexual ou homossexual. E os mais experimentados alegam que, pelo fato do ânus ser mais apertado, o prazer se intensifica, a despeito dos maus cheiros da região, conhecida por expelir as fezes produzidas pelo corpo.

Seja em letras de funk, como no hino pop “Chatuba de Mesquita – Bonde do Sexo Anal”, seja em filmes adultos, como os feitos pela compania nacional Brasileirinhas, nossa juventude vem sendo apresentada cada vez mais cedo ao universo do sexo anal. Não podendo experimentar devido às recusas das mulheres ou das namoradinhas, muitos curiosas acabam tentando conhecer esses tais prazeres anais com travestis.

 

22 comentários

  1. Acredito que 89% das suas afirmações sejam corretas. Infelizmente, pode ser que travestis tomem o lugar amoroso e sexual das mulheres no século XXI e se tornem meros objetos de reprodução, até que isto tbm as seja tirado pelas pessoas travestis.

    Curtir

    • Você é o único tipo de mulher que vira objeto de reprodução nos tempos modernos porque pelo jeito que fala precisa de homem até para respirar, esses tipos de mulheres são as que mais se ferram, são traídas frequentemente mas o homem sabe que tem perdão afinal ela precisa dele até para respirar. Antigamente as mulheres não eram objetos de reprodução por escolha ou por falta de opção, eram objetos porque eram obrigadas, todas eram ensinadas que o dever delas era aquilo. Nós tempos de hoje que mulheres têm outros objetivos na vida, sim você é a único tipo de mulher que vira objeto.

      Curtir

      • Então dizer que existe mulheres que precisam de homem até pra respirar é coisa de feminista? É errado? Me parece apenas uma realidade, realidade essa falada normalmente mas não por pessoas com problemas feito você. Eu acho que nem homem e nem mulher deve precisar do outro sexo dessa maneira doente.

        Curtir

  2. Essa coisa de homem preferir travestis é uma grande mentira, acontece que os homens sempre foram mais homossexuais que as mulheres então é lógico que sempre vai ser comum homens tendo casos com outros homens, veja como é difícil sair alguma notícia de alguma famosa sendo flagrada com mulher. Em todas pesquisas sobre homossexualidade é mostrado como o número de gays é muito maior que de lésbicas. Um estudo feito por Alfred Kinsey no final de 1940 e no início de 1950 descobriu que 37% dos homens e 13% das mulheres já tinham tido relações homosexuais, nesses tempos o número de homens gays já eram grandes então imagina agora com mais liberdade? Isso sem falar das sociedades mais antigas onde também os homens eram os mais homossexuais, posso falar da grécia antiga. A homossexualidade sempre foi masculina e sempre vai ser.

    Curtir

  3. Perdi uns 10 minutos da minha vida lendo isso.
    Amigo, não existe epidemia de sexo anal.
    Sexo anal é comum, sempre foi e sempre será. Sou a favor do sexo livre, independente de ser homo ou hetero.
    Uma dica construtiva para o blog: Preocupe-se com dados científicos (estudos, pesquisas, etc.) e não apenas com suas experiências pessoais.
    Abraço e sucesso!

    Curtir

  4. Sandra Regina, estou encaminhando uma denúncia crime contra vc pela sua afirmação mentirosa. Suas afirmações são falsas e vc não passa de uma oportunista querendo aparecer. Pronto, ficou famosa. Vai aparecer no tribunal de justiça.

    Curtir

  5. Prefem mesmo, são os chamados bisexual, existe muito pouco heteros, e são os eteros que não se envolvem com outro homem. O que temos que fazer é prestar atenção nas nossas crianças e desconfiar sempre de homens que se aproximam demais, seja parente ou amigo intimo da familia, a origem de tudoestá ai, ninguem começa uma vida homossexual por prazer, Deus não seria tão cruel a ponto de deixar nascer uma pessoa assim, isso não é divino, mas sim criação do pr[oprio homem, vingando um dia o que foi feito a ele,se educarmos corretamenta nossas crianças essas aberrações jamais irá acontecer. Afinal temos que continuar dando vazão a natalidade correto?

    Curtir

  6. Que lixo de post!! Que opnião de merda. Caralho, não acredito que perdi meu tempo lendo essa bosta. Melhor ler do que ser cego. Vou até bloquear esse site para não correr o risco de cair por aqui de novo.

    Curtir

Comente com polidez!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s