Estaria Deus abrindo o caminho para Trump vencer a eleição?


 

Olá amiguinhos.

Como vocês sabem, eu tenho compromisso com a verdade, e por mais que tenha cravado a derrota do topetudo, tudo indica que Deus está preparando um cenário perfeito nos últimos dias para que ele se dê bem. Ao que tudo indica, hackers russos entraram no sistema do partido Demoniocrata, entregando toneladas de informações comprometedoras ao Wikileaks, site esquerdista. Entre essas informações vazadas, estariam desde emails racistas e preconceituosos da cúpula do partido até como foi arquitetada as trapaças para a nomeação de Hillary Clinton.

Soma-se a isso dois fatores: um é a onda de ataques terroristas, que fazem requerer um líder mais forte na Casa Branca; o outro, a convenção republicana, que sempre dá um aumento na porcentagem dos candidatos republicanos nas semanas seguintes. Em função disso, Trump finalmente aparece na frente da criminosa democrata.

O principal problema desses vazamentos é que ainda vem muito por aí. E Jullian Assange, responsável pelo Wikileaks, já disse ter informação o suficiente para mandar a Hillary pra prisão. Mesmo contando com o apoio do esquerdopata Bernie Sanders, é natural que as franjas mais radicais do partido democrata fiquem tentadas a pular fora da candidatura dela conforme a avalanche de denúncias se aproxime.

Tudo isso seria o suficiente para acabar com qualquer candidatura, ainda mais de alguém tão chata e anti-carismática como Clinton. No entanto, Hillary conta com a benção de ter Trump como seu oponente, provavelmente o único republicano capaz de perder pra ela.

É inegável que Trump, por ser um protecionista, nativista e isolacionista com pouquíssimo enfoque em assuntos sociais, acabe por ganhar votos que outros republicanos não ganhariam e perder votos que qualquer republicano teria. Muita gente não verá no – até pouco tempo atrás – democrata promíscuo, uma boa opção. Um grupo que parece que ele perderá é o de mulheres casadas, suburbanas e preocupadas com temas sociais. As declarações misógenas dele nas primárias parecem ter aumentado muito a rejeição dele nesse setor. Os latinos, estupradores segundo Trump, são outro grupo que não deve fazer por menos.

Há dois grupos que claramente vejo Trump conquistar espaço. Um são os negros, que sem Obama pra se candidatar, e com altos índices de desemprego, parecem que podem cair no discurso anti-imigrante ilegal de Trump. Não, ele não ganhará entre eles, mas certamente terá mais que 5%, superando Romney em 2012.

Agora, o principal público onde Trump pode ganhar espaço são os “blue collar voters”, brancos sem escolaridade, pouco religiosos, suburbanos do setor industrial e afetados pela perda de fábricas dos EUA para o 3° mundo. São esses eleitores, naturalmente democratas, que podem virar o jogo em estados com Michigan, Pennsylvania, Wisconsin e Ohio. Trump, dessa forma, não precisaria cortejar o exigente eleitorado evangélico, falcão e libertário, pois estes ele pode contar já com os votos. Ele, como bom democrata que foi, poderia focar seus esforços nos eleitores de Bernie Sanders e vencer a eleição. Essa é a única chance que ele possui.

A pergunta que deixo no ar é: Por que Putin está apoiando Trump? Por que a ditadura norte-coreana está empolgada com a chance dele chegar ao poder?

Trump é o candidato do nacionalismo, e sua propensão ao isolacionismo anima muita gente a botar as asinhas de fora.

Anúncios

Comente com polidez!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s