Cruz versus Rubio: Quem sai na frente após a derrota de Trump?


Após a eminente derrota de Trump em Novembro, o partido republicano tem tudo para enfrentar uma ainda mais eminente guerra civil entre suas diferentes facções. Evangélicos, falções militares, libertários e nacionalistas tem tudo pra cair numa briga sem fim até 2020, quando a vulnerável Hillary Clinton disputará sua tentativa de reeleição.

Tudo indica que dois latinos larguem na frente no pós-Trump: o senador do Texas Ted Cruz e o senador da Flórida Marco Rubio. Cruz definitivamente é o favorito n°1. O senador nascido no Canadá tem uma organização invejável, e para todos os efeitos, já está na disputa em 2020, tendo inclusive garantido que mesmo se Trump ganhar esse ano ele o desafiará nas primárias daqui a quatro anos. A favor de Cruz há um fator preponderante: o tempo. Cruz, assim como Rubio, tem 45 anos, e no mínimo mais uns 5 ciclos presidenciais para tentar morar na Casa Branca.

Marco Rubio é o queridinho deste blogueiro. Confesso que as chances dele chegar ao poder não são lá muito altas após ele perder de lavada a primária na Flórida para Trump esse ano. A carta na manga de Rubio é algo chamado “Primárias invisíveis”. Existem dois processos de primárias no partido republicano. Um é aquele que podemos ver. É onde há votações, campanhas, marketing, etc. A outra é a primária invisível, onde os candidatos tentam convencer milionários a dar-lhes financiamento, donos de veículos de comunicação a dar-lhes cobertura positiva e figurões do partido a dar-lhes apoio. Rubio, por ter um preparo forte em política externa e economia, tende a ser o principal alvo das contribuições do bilionários em 2020, o que lhe pode dar uma grande vantagem, enquanto Cruz deve receber doações de pequenos contribuintes, provavelmente evangélicos que idolatram o empenho zelota do senador canadense.

Além dos dois cucarachas, o governador de Ohio, John Kasich, o senador do Arkansas, Tom Cotton, a senadora de Iowa, Joni Ernst, o governador de Winsconsin, Scott Walker e a governadora da Carolina do Sul, Nikki Haley já parecem estar no páreo. Tom Cotton nem disfarça sua campanha durante a chatíssima convenção republicana que está ocorrendo essa semana.

Para todos os efeitos, Trump é como um doente que todos mal esperam que morra e já querem logo enterrar.

Anúncios

Comente com polidez!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close