Olá amiguinhos! Estou bastante sumido! Vocês sentiram saudades? Bem, vamos ao que interessa. Essa semana estive viajando e sem um computador. Durante minha estadia em São Paulo resolvi esticar por mais um dia minha passagem pela Terra da Garoa para participar do primeiro ato pedindo o impeachment de Dilma.

Figuras como Paulo Batista “o mito”, o deputado paranaense Paulo Martins, o deputado por São Paulo Eduardo Bolsonaro, Lobão, Bene Barbosa e outros expoentes da nossa “nova direita” estavam lá pra agitar a festa que tomou conta da Paulista numa passeata que só terminou na praça do Ibiapuera.

Detalhes:

1- Não ouve quebra-quebra, não teve briga, não teve confusão. A polícia estava lá para nos proteger e foi ovacionada em vários momentos.

2- Um grupo de skin heads de esquerda prometeu aparecer para atrapalhar a festa. Bem, eu só vi um no início do ato e ele de pronto meteu o pé, talvez por ver a grandeza do movimento.

3- Alguns petistas – bem poucos – hastearam bandeiras vermelhas enquanto os manifestantes passavam. Ainda que recebessem a devida resposta por parte dos manifestantes, os líderes que estavam no carro de som defendiam a liberdade de expressão, inclusive para essa petralhada. Como resposta ao vermelho, empunhamos o verde e o amarelo.

4- A grande mídia mais uma vez cumpriu o seu papel em perverter o movimento alegando que pregavámos uma intervenção militar. Isso é mentira. Por mais que um ou dois malucos pudessem até pedir a volta dos militares ou a separação de São Paulo, a grande maioria dos presentes repudiavam tais ideias.

5- Nunca antes participei de um evento tão patriótico. Todos os ali presentes ali estavam sabendo muito bem o que estavam fazendo. O que foi reiterado várias vezes é que os empréstimo secretos feitos pelo governo para Cuba sem o aval do Senado são inconstitucionais, o que abre margem para o impeachment.

6- Se descobertas as provas de que Lula e Dilma sabiam realmente da roubalheira na Petrobrás estes devem ir sim para a Papuda. E digo mais. Caso descubram as contas do PT no exterior, o que configuraria crime eleitoral, o PT deve ter seu registro cassado.

7- Se sou obrigado a votar tenho o DIREITO de pedir a auditoria das urnas eletrônicas e a recontagem dos votos. Os vários casos comprovados de fraude podem ser apenas a ponta do Iceberg de uma eleição manipulada pelo presidente do TSE, o ex-advogado do PT Dias Toffoli.

8- Continuarei indo a todos os protestos contra esse governo de psicopatas. Esses corruPTores verão que os verdadeiros filhos dessa pátria não fogem a luta.

Anúncios