Oi amiguinhos! Tudo bom? Que ótimo. Hoje vou discorrer algumas linhas sobre o debate presidencial da Band dessa terça.

1- Aécio Neves foi o vencedor do debate, não porque replicou  seu bom desempenho do último debate da Globo mas simplesmente porque o desempenho de Dilma foi pífio.

2- Nesse debate Dilma esboçou antipatia, além de ter inúmeras vezes se enrolado nas palavras. Parecia nervosa. Incapaz de fazer uma pergunta direta e de não rodear, seu discurso era muito difícil de ser compreendido. O ponto alto do debate foi quando Aécio disse que mesmo achando a pergunta de Dilma “confusa” a responderia mesmo assim. Dilma rebateu dizendo que confuso era o candidato pois ele blá, blá, blá.

3- Diferente do que aconteceu no primeiro turno, todo debate importa pois ele é uma oportunidade de não somente conquistar o voto dos indecisos mas também de cooptar o eleitorado do seu adversário. Por se fazer melhor entendido, além de ter tido uma boa gestualização, Aécio conversou melhor com o eleitor indeciso de Marina e com  eleitor de baixa renda petista. Fico imaginando uma pessoa incauta tentando entender o que saia da boca da Dilma.

4- Dilma tentou transformar a eleição num plebiscito sobre os tucanos. Boa tática. Melhor do que um plebiscito sobre o governo dela – o que acarretaria numa eminente derrota. A tática de atacar Aécio parece que dará algum resultado e freará o crescimento do candidato, mas sem repetir o efeito causado em Marina no primeiro turno.

5- Aécio falou mais de propostas. Dilma, como não tem muitas novas propostas, preferiu atacar. Logo no primeiro bloco do debate Aécio apontou a tentativa do PT em desconstruir sua imagem com mentiras na propaganda eleitoral e Dilma tangiversou dizendo que era ele que a atacava. Porém, já no primeiro intervalo duas propagandas do PT atacavam Aécio enquanto duas propagandas de Aécio falavam de propostas.

6- A mentira foi uma constante no debate. Dilma mentiu reiteradas vezes ao dizer que o Bolsa Família não veio dos programas sociais dos tucanos. Tentou inúmeras vezes desconstruir a imagem de Armínio Fraga, quem, segundo ela, aumentou os juros e fez crescer a inflação e o desemprego. Dilma atacou também a gestão de Aécio como governador e repetiu feito um papagaio que ela ganhou em Minas. Grande coisa.

7- O eleitor que assistiu o debate até o final para ver mais essa derrota de Dilma tende a ser um eleitor de alta escolaridade,  mais informado que o restante e que não votou em Dilma no segundo turno. Se não votaram em Dilma no primeiro turno, por que motivo votariam nela no segundo? Por medo? Fica claro que debates como esse só fazem o eleitor indeciso decidir entre anular o voto ou votar no tucano. Em suma, tudo indica que em breve teremos um presidente que saberá falar. E digo mais. Que saberá até conjugar os verbos.

Anúncios