Pesquisa CNT-MDA para presidente 2014: Marina se consolida na frente no segundo turno.


Brasília – A candidata do PSB à Presidência, Marina Silva, assumiu o segundo lugar da corrida presidencial, abrindo larga vantagem sobre Aécio Neves (PSB) e se aproximando da presidenteDilma Rousseff (PT) no primeiro turno, mostrou pesquisa CNT/MDA, que indicou ainda vitória da ex-ministra sobre os dois adversários em uma segunda rodada.

Marina alcançou 28,2 por cento das intenções de voto, muito à frente dos 16 por cento de Aécio, enquanto Dilma chegou a 34,2 por cento.

A pesquisa, divulgada nesta quarta-feira, mostrou que num eventual segundo turno Marina venceria a presidente por 43,7 por cento a 37,8 por cento.

Se o segundo turno fosse entre a candidata do PSB e Aécio, a vitória seria ainda mais folgada: 48,9 por cento contra 25,2 por cento do tucano. Na simulação entre a petista e o tucano, a presidente que busca a reeleição ganharia por 43 a 33,3 por cento.

Rejeição, Dificuldades e Incertezas

O levantamento apontou que 45,5 dos entrevistados não votariam de jeito nenhum em Dilma, enquanto 40,4 por cento disseram o mesmo sobre Aécio. Já a candidata do PSB teve 29,3 por cento de rejeição.

“Esses níveis de rejeição acima de 40 por cento, 45 por cento, eles têm um impacto muito negativo quando a disputa é para o segundo turno”, disse Souza.

Avaliação de Governo

De acordo com a pesquisa CNT/MDA, as avaliações positiva e negativa do governo Dilma permaneceram estáveis em relação a levantamento feito entre 8 e 12 de agosto, com 33,1 por cento avaliando positivamente e 28,8 por cento negativamente agora, ante 33,2 por cento e 28,9 por cento, respectivamente.

A aprovação pessoal de Dilma foi a 47,4 por cento, ante 48,8 por cento no início de agosto, e a desaprovação ficou em 47,4 por cento, ante 47,6 por cento.

Fonte: http://exame.abril.com.br/brasil/noticias/marina-venceria-dilma-num-2o-turno-mostra-pesquisa-cnt-mda

Comento:

Esse é o fim da linha para a candidata petista. Pensem comigo, se ela tem 45% de rejeição e 34% de intenção de voto então há 66% de eleitorado que não vota nele e apenas 21% desse eleitorado que não vota nela pode vir a escolhê-la no segundo turno. Como ela tem 34%, precisa de 16% desses 21%. Tarefa difícil.

Já Marina tem 28% de votos e 30% de rejeição. Como existe 72% do eleitorado que não vota nela hoje ela, retirando a taxa de rejeição, pode vir a obter no segundo turno até 42% dos votos, precisando ter 22% desses 42% para se eleger.

Por mais que esse exercício de matemática despreze fatores muito importantes, como abstenções, voto nulos, votos brancos e eventuais mudanças no quadro, é natural imaginarmos que Marina hoje é favoritíssima.

 

Anúncios

Comente com polidez!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s