Por que a crise na Ucrânia não deve acarretar na Terceira Guerra Mundial


Nos últimos dias vimos a Rússia invadir a região ucraniana de maioria russa da Crimeia, com o intuito de proteger suas bases militares e cidadãos de origem russa. Como a região é de soberania ucraniana a ação russa foi considerada uma invasão, mas não passa de um teatro do presidente russo Vladimir Putin.

Putin está incrivelmente enfraquecido internamente e só voltou ao poder devido a artimanhas muito questionáveis nas últimas eleições. Sendo assim, Putin tem tentado se manter no poder focalizando suas medidas para atrair a ala mais conservadora e nacionalista da população. Se por um lado a Rússia se aproxima cada vez mais da Igreja Ortodoxa e cria leis que criminalizam a propaganda do homossexualismo;do outro, Putin acena aos nacionalistas com o discurso da volta da Grande Rússia. Para isso, Putin tenta aumentar a influência russa nos países da antiga União Soviética, para dessa forma criar um novo bloco que restararia os antigos poderes de Moscou, só que dessa vez sob a égide do capitalismo.

No meio desse plano maquiavélico está a Ucrânia, um país em profunda crise econômica e que nos últimos anos tem brigado para se desvencilhar dos corruptos laços com a Rússia. Depois do início dos protestos e da queda do presidente pró-Russia, os ucranianos cometeram o exagero de revogar o idioma russo como uma das línguas oficiais do país. Um claro sinal a Moscou de que os novos tempos no país seriam bem diferentes.

Como a OTAN se posicionou contrariamente a invasão da Crimeia, o cenário ficou armado para um conflito entre o bloco russo-chinês e os países da União Europeia, mais interessados com o distanciamento entre Ucrânia e Rússia.

Porque não vai haver guerra nenhuma

  1. Os países integrantes da União Europeia se encontram numa profunda crise financeira e não estão nenhum pouco interessados num caro conflito militar.
  2. O “líder” do mundo Ocidental, Barack Hussein Obama, tem na sua política externa uma profunda aversão a conflitos militares, o que tira dos EUA um importante trunfo que no passado lhes foram tão úteis: o blefe. A fraqueza de Obama engrandece o destemido Putin, que não tem medo ou receio algum de um conflito. Não há no mundo ocidental um líder sequer que possa falar grosso com o russo.
  3. Putin e a China não estão nem ai para os EUA. Eles têm muitos bilhões em títulos da dívida publica americana (16 trilhões de dolares…. pouco, não é?). Em outras palavras, a “Guerra Fria” foi perdida pelos americanos no momento em que começaram a gastar com guerras, saúde e assistencia social bem mais do que arrecadavam com os seus tributos. Se a Rússia e a China quiserem quebrar os EUA é muito facil, já que o Federal Reserve só imprime dólar – este sem nenhum lastro (antigamente o lastro era o ouro). Se a China e a Rússia resolvem vender todos os ativos da dívida e param de aceitar pagamentos em dolar para venda de petróleo ( passando a receber em ouro ou em yuan), ai sim o mundo vai virar de cabeça pra baixo (e o Brasil não escapa).
  4. A Rússia abastece a Europa com gás natural. Sem o gás russo os europeus teriam que comprar o gás do Norte da África por um preço exorbitante. Milhões de pessoas morreriam de frio.
  5. A Rússia ainda tem na China uma importante aliado. Juntos os dois possuem milhões de soldados e centenas de ogivas nucleares.
Anúncios

4 comentários

  1. sorte deles se tudo não passar de um blefe, ainda assim deveria haver um meio mais eficaz para que esses países cheguem num censo comum sem ficar colocando em risco a vida de tantos inocentes.

    Curtir

  2. “Não sei com que armas a III Guerra Mundial será lutada. Mas a IV Guerra Mundial será lutada com paus e pedras.”_ Albert Einstein.

    Curtir

Comente com polidez!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s