Lulu, o aplicativo da discórdia!


Foi lançado oficialmente nesta quarta-feira o badalado aplicativo Lulu, disponível no Brasil desde o dia 20 de novembro para usuários de IOS e Android e que já tem um milhão de usuários consolidados nos Estados Unidos depois de dez meses de lançamento. O aplicativo é feito para que as mulheres avaliem os homens e criem um ranking de melhores e piores entre sua rede de amigos no Facebook. A avaliação, que fica visível para as outras mulheres do app, considera qualidades e defeitos, incluindo questões físicas e características pessoais que são definidas a partir de um questionário.

Saiba mais…
Mulheres que avaliam os homens no aplicativo Lulu podem ser processadas
O aplicativo é anunciado como uma rede para mulheres aberta e honesta, uma ferramenta para que as garotas tomem as melhores decisões sobre seus relacionamentos e até uma forma de encontrar um namorado com inteligência. Entretanto, desde que ficou disponível para download, o app levanta polêmica ao permitir que perfis do Facebook sejam avaliados de forma anônima, muitas vezes com características negativas que podem não agradar a pessoa avaliada. Sem contar que muitas usuárias usam o aplicativo como uma forma de detonar perfis de homens que não gostam. A Luluvise, empresa criadora do aplicativo, rebate dizendo que o Lulu não é só sobre questões sexuais, que nada é publicado no Facebook e que a mulher não pode escrever o que quer e só escolhe repostas pré-definidas. Além disso, os homens podem pedir para sair.

Mesmo com a polêmica, o Clube da Luluzinha virtual faz sucesso. Embora a empresa ainda não tenha números consolidados sobre o mercado brasileiro e nem informações sobre o modelo que será usado para sustentar o negócio, o Lulu já está entre os principais aplicativos gratuitos na área social no Google Play com um número de downloads entre 100 e 500 mil e fica em 65º lugar no ranking geral de milhares de aplicativos do iTunes.

Antes do lançamento principal, o aplicativo passou por um teste beta nas universidades de Campinas. Em apenas 3 meses, as meninas da cidade criaram mais de 50 mil avaliações de garotos. Segundo a empresa, esse ritmo ultrapassou até as universidades dos EUA, onde Lulu tem sido muito popular. Alexandra Chong, fundadora e CEO de Lulu, diz: “Nós pegamos nosso sucesso em Campinas como um indicativo de que nós estamos no caminho certo no Brasil”.

Ainda segundo a empresa, mais de 500 mil homens nos Estados Unidos pediram para entrar no Lulu e serem avaliados. Alguns perfis chegaram a ser visitados mais de 200 milhões de vezes e muitas usuárias fazem contato através do Facebook com os perfis mais interessantes apontados pelo ranking do Lulu.

A Luluvise explica que os homens também podem entrar na rede e adicionar fotos e hashtags descrevendo a si mesmos. Entretanto a empresa ainda não tem um balanço de quantos pediram para sair da rede e não reportou problemas com reclamações de usuários.

Comento:

Isso é uma tremenda sacanagem! Imaginem se ao invés de zoar com os homens esse aplicativo zoasse as mulheres? A FEMEN ia colocar mulheres-bomba na paulista. Iam falar pra caramba. Esse é um aplicativo fútil que tem a finalidade de denegrir ex relacionamentos e alimentar o revanchismo alheio. No final das contas, também é apenas uma forma de mulheres atingirem outras mulheres, já que dá pra colocar hashtag no namorado da outra. Outra conclusão que podemos tirar desse aplicativo é a de como algumas mulheres são tão ruins quanto os homens que chamam de machistas. Pra mim utilizar o Lulu é tão sujo quanto os caras que colocam as fotos das minas que comem no grupo do Whatsapp. Cadê o feminismo?

Anúncios

2 comentários

  1. e eu que achava que a melhor maneira de se conhecer uma pessoa é se chegar pessoalmente a ela, que bom que nem Facebook eu tenho, pois não sou muito de gostar de medir minhas qualidades e nem meus defeitos, se for pra ser qualificado como “lindo” ou tachado de “chato”, prefiro que digam na minha cara (caso eu mereça ¬¬’ )

    Curtir

  2. Certo, qual é a utilidade disso?
    Ali diz que serve para a mulher avaliar sé seus pretendentes são bons ou não. Mas como uma pessoa pode avaliar isso pela opinião dos outros? Como pode saber que as mesmas são verdadeiras? Esse aplicativo apenas mostra a hipocrisia e futilidade das pessoas.

    Curtir

Comente com polidez!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s