Esse é o poder do PT. Qualquer um sabe que o assistencialismo, para não ser uma mera compra de votos, deve ocorrer de forma descentralizada, para que o recebedor não confunda o seu benefício com o governo federal, estadual ou municipal. É uma ingenuidade achar que os milhões de benefíciários desse programa não irão votar perpetuamente no partido que lhes concedeu esse dinheiro. Afinal de contas, os marqueteiros do PT sabem o que fazem. Pobres e incautos jamais trocam o certo pelo duvidoso, pois sabem a maior forma de influenciá-los é pelo medo.

Anúncios