Mais médicos

Pesquisa do instituto MDA encomendada pela Confederação Nacional do Transporte (CNT) e divulgada nesta terça-feira (10) mostra que 73,9% dos entrevistados apoiam a vinda de médicos estrangeiros para atuar no Sistema Único de Saúde (SUS). A medida faz parte do programa Mais Médicos lançado pelo governo federal em julho e que pretende atrair médicos para atuar nas periferias e no interior do Brasil.

Pesquisa
A pesquisa, que também apurou a avaliação do governo, ouviu 2.002 pessoas entre os dias 31 de agosto e 4 de setembro. As entrevistas foram realizadas em 135 municípios de 21 unidades da federação nas cinco regiões. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais. Para 49,6% dos entrevistados, o Mais Médicos solucionará os graves problemas da saúde no país.

Maus médicos
A vinda de médicos estrangeiros é polêmica e criticada pelas entidades de médicos porque permite que profissionais que se formaram no exterior atuem no Brasil sem a necessidade de fazer o exame de revalidação do diploma, o Revalida, que permitiria ao médico atuar tanto no setor público quanto no setor privado. Também é alvo de críticas o contrato feito pelo governo brasileiro para trazer médicos cubanos, que receberiam menos que os outros profissionais estrangeiros.

Comento

Trazer médicos estrangeiros em si não é uma má ideia. No entanto, por que os médicos estrangeiros não podem fazer o revalida? Por que justamente os cubanos são os únicos que ganharam menos e repassarão verba para seu país? Isso é claramente uma forma do PT pagar o dinheiro que o regime cubano tem dado para suas campanhas.

Anúncios