Corrupção petista

Na reta final do julgamento da Ação Penal 470, a direção do PT é alvo de uma denúncia constrangedora, que parte de um parlamentar do próprio PT, o deputado gaúcho Henrique Fontana (PT-RS), que disputa o comando da legenda com o atual presidente, Rui Falcão. A informação foi publicada na coluna Panorama Político, de Ilimar Franco. Leia abaixo:

Compra de votos no PT

Esta é a denúncia mais grave desde o mensalão. O deputado Henrique Fontana (PT-RS) acusa que há compra de votos na eleição para presidente do PT. “Desconfio de pagamento coletivo. Uma pessoa pagou para um grupo e isso é voto de cabresto” diz. Ele conta: “184.893 filiados estavam aptos a votar em 28/8. Ontem, eram 780 mil os filiados que estavam em dia com a tesouraria”

“Não sou um candidato franco-atirador. Sou candidato, mas tenho a responsabilidade de quem é presidente do PT
Rui Falcão
Presidente do PT e deputado estadual (SP), sobre o clima do debate eleitoral no partido

Fonte: Brasil 247

Comento

Isso é o que acontece com um partido que está tão acostumado com a corrupção que já não consegue mais viver sem ela.

Anúncios