Comento

É inacreditável a postura desse marginal. Sorrindo, falou sobre a morte da mãe do filho dele da forma mais banal possível. Além disso, sua versão não consegue convencer a criança mais ingênua. Mesmo agora, depois de tanto tempo, ele ainda não confessou que foi ele que deu a ordem para a morte cruel de Eliza Samúdio. Ademais, esse canalha não tem nem o pudor de preservar a imagem da falecida. Quando perguntado, disse que a conheceu numa orgia e que o ato com ela teria durado apenas 15 minutos. O que espero é que ele possa ficar muito mais do que 15 anos atrás das grades.

Anúncios