Os irmãos Enzo e Grazielle Consentini, que ficaram nacionalmente conhecidos depois do “trote da bunda” no Fala Que Eu Te Escuto, serão ser processados pela Igreja Universal do Reino de Deus (IURD).De acordo com informações do site Na Telinha, o bispo Clodomir Santos teria dito que o trote durante o programa transmitido pela TV Record não passará impune.

Numa edição seguinte ao trote, Clodomir levou um advogado ao programa para falar sobre quais processos serão abertos: “Exposição ao ridículo de uma emissora de grande abrangência, além de dano moral e material, que pode acarretar em três meses a um ano de prisão”. Segundo o bispo, a mãe dos adolescentes teria reprovado a atitude dos filhos: “Ela, inclusive, estaria desgostosa com tal situação”, disse Clodomir.

Fonte: Gnoticias

COMENTO

Sempre detestei a IURD. Na minha cabeça essa instituição é composta por um clero bandido que extorque seus fiéis e por uma membresia que gosta do que está comprando. Ainda assim, mesmo discordando veementemente da Teologia da Prosperidade que sustenta a IURD, não posso concordar que o ato debochado desses dois moleques fique impune. Se ela queria criticar a igreja, que fizesse com argumentos, mas ao desrespeitar todos os telespectadores do programa esses dois adolescentes perderam toda a razão.

Ciclo da ignorância

A ideologia perversa da IURD deve ser sim combatida, porém com o mínimo de respeito para com aqueles que creem nela. Todos sabemos que desrespeito só gera desrespeito e que ignorância gera ainda mais ignorância. Portanto, o radicalismo não deve ser combatido com radicalismo mas com coerência e pragmatismo.

 

 

Anúncios