Eleições 2014: Joaquim Barbosa é carta fora do baralho


 

Erro fatal

Neste domingo, uma reportagem do jornal Correio Braziliense trouxe uma grande surpresa, que mostra como Joaquim Barbosa, cometeu um erro fatal ao constituir uma empresa nos Estados Unidos, a Assas JB Corp, com a finalidade de comprar um apartamento em Miami. Para isso, ele definiu como sua sede o apartamento funcional onde reside, em Brasília. Ou seja: um bem público (o imóvel do STF) foi utilizado com finalidade privada (sediar uma offshore americana), o que é flagrantemente ilegal.

No banco dos réus

O fato é tão inusitado que o presidente da Associação de Juízes Federais pediu uma investigação sobre o caso. Se a ação irá ou não prosperar, dependerá da boa vontade da procuradoria-geral da República. Como Roberto Gurgel está de saída, é possível que seu substituto leve o caso adiante, transformando Joaquim Barbosa em réu. E mesmo que isso não aconteça, o escândalo do imóvel em Miami traz um inevitável subproduto de natureza política: Barbosa manchou sua reputação e praticament jogou fora suas chances em 2014.

Me engana que eu gosto

Oficialmente, ele afirma que jamais teve pretensões políticas. Mas se disse “lisonjeado” quando o Datafolha lhe deu 14%. E defendeu, recentemente, candidaturas avulsas, fora dos partidos.

Quadro atual

Sem Barbosa, o jogo de 2014 hoje se resume a 4 nomes: Dilma, Marina e Eduardo Campos. Lula parece estar realmente fora, uma vez que tanto ele quanto Dilma têm sido enfáticos em rechaçar a possibilidade do seu retorno. Já José Serra não demonstra que irá sair do PSDB para concorrer pelo PPS.

Conclusão

No entanto, nem todos estão garantidos no tabuleiro. Marina Silva ainda não obteve as assinaturas necessárias para a criação da Rede. E o Partido Verde não parece disposto a lançá-la. Sem Marina, as chances de Dilma não se reeleger são pouquíssimas. A última incógnita é José Serra, que pode se filiar ao PPS. O fato é que o jogo ainda está distante e Barbosa caiu bem antes do seu início. Abatido no caso Miami, foi vítima do próprio descuido.

Fonte: Brasil 247

Comente com polidez!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s