Negros que são contra o sistema de cotas


Racismo

Uma coisa um pouco recorrente aqui no blog é ser chamado de racista apenas porque sou contrário ao sistema de cotas raciais (não sou contra cotas para pobres, apenas cotas raciais, pois não existe raça senão a humana). Isso é bastante interessante. Como as pessoas não tem como rebater seus argumentos, acabam apelando para a rotulação. O mais incrível é que são eles que são os verdadeiros racistas, pois são eles que querem defender políticas públicas pautadas de acordo com a “raça” das pessoas.

Coitadismo

Não adianta discutir com profissionais da vitimização. Enquanto eles falam que nossa sociedade é injusta só porque pessoas de uma cor são mais ricas que outras, o que devemos salientar é que pessoas, independente de sua etnia, não tem oportunidade de crescimento social. Se o Brasil tivesse uma boa educação de base não precisaríamos discutir cotas. No entanto, políticos acham mais fácil colocar cotas do que investir em educação. O resultado é esse que vemos.

Preconceito irracional

Pense bem. Um empresário está selecionando 2 currículos. Um é de um afrodescendente com um excelente currículo e experiência na área, o outro é de um loira sem experiência e com um currículo mediano. É óbvio que os olhos azuis da loira não irão convencer o empresário, pois o racismo seria nocivo no ambiente de negócios. Quem mais perderia com ele escolhendo o loira seria ele próprio, posto que não poderia contar com um profissional mais habilitado e ainda o veria adentrar na concorrência.

Cotas no trabalho

 

Agora percebam: a única forma de colocar essa loira invariavelmente nesse serviço, independente de seu mérito, é criando uma cota para loiras. A empresa seria prejudicada, mas individualmente, algumas loiras, que jamais conseguiriam bons empregos em virtude de seu baixo desempenho, iriam ser beneficiadas. Esse exemplo ilustra qual seria o efeito das cotas no serviço público.

Precedente

Nos Estados Unidos (que diferente do Brasil, não é democrático só na teoria), muitos estados tem conseguido abolir as cotas (ações afirmativas). Como resultado, Texas e Califórnia viram o número de negros aumentar nas universidades. Isso é a prova cabal de que negros não são inferiores, tampouco precisam de uma ajudinha para demonstrar seu potencial. A única coisa necessária para qualquer pessoa, independente de etnia, credo ou condição social é uma oportunidade .

A senhorita Morello é o personagem mais cômico da série Todo Mundo Odeia o Chris. Mesmo não sendo racista, acaba tratando o único menino negro da sala com pena e sempre cobra menos dele. Na prática, é o retrato da estigmatização da inferioridade racial.

 

 

 

 

Anúncios

Comente com polidez!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s