Manifestantes quebram imagens sacras na Jornada Mundial da Juventude


Não se trata de um Marcha das Vadias, mas sim de um Marcha de mal comidas. Com tanto tempo e lugar para protestar elas escolhem afrontar os católicos justamente durante a celebração da JMJ. Como já dizia minha vó: “quem quer ser respeitado primeiro tem que aprender a respeitar os outros”.

BlogdoFIRMO

20130727-181908.jpg

Marcha das Vadias’ se mistura a peregrinos e faz críticas à Igreja Peregrinos da JMJ que estão no local reclamam da manifestação

RIO Manifestantes que participam da “Marcha das Vadias” na tarde deste sábado quebraram imagens sacras na Praia de Copacabana, onde milhares de peregrinos aguardam o início da vigília da Jornada Mundial de Juventude (JMJ). A ação partiu de um casal que estava pelado, tampando os órgãos sexuais com símbolos religiosos, como um quadro com a pintura de Jesus Cristo. Esculturas de Nossa Senhora Aparecida e Nossa Senhora de Fátima foram destruídas. Em um ponto do protesto, eles juntaram cruzes, jogaram camisinhas em cima e começaram pisar nos artigos religiosos. Um dos manifestantes chegou a botar um preservativo na cabeça de Nossa Senhora.

Ao se deparar com o protesto, peregrinos confrontaram a passeata cantando “Esta é a juventude do Papa”. Um grupo de argentinos decidiu passar pelo meio…

Ver o post original 600 mais palavras

Comente com polidez!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s