Teoria da conspiração: a derrota de Anderson silva no UFC 162 foi combinada?


Molecagem

Milhões de trabalhadores brasileiros ficaram acordados até tarde nesse final de semana para assistir o maior show de infantilidade da história do UFC. Anderson Silva, que desde 2004 não perdia de verdade, abusou da palhaçada e foi nocauteado no segundo assalto da luta. No final, nem o vencedor, Chris Weidman, sabia direito o que tinha feito quando, na entrevista, foi perguntado como era ser o homem que destronou Anderson Silva.

Dinheiro envolvido

Para lutar somente, Silva ganhou 1,3 milhão, enquanto que Weidman ganhou só 100 mil. Se vencesse, Silva ganharia mais 500 mil.

Ruim para o UFC

Conversando com estrangeiros, sempre percebi que Anderson Silva não é muito querido lá fora. As pessoas não gostam do fato dele não saber inglês e de seu comportamento displicente. Muito por isso, são pouquíssimas as marcas lá fora que o contratam como garoto propaganda. Sendo assim, o cinturão na cintura de Silva era prejuízo para o evento.

Coincidência

Numa matéria da Forbes antes da luta, o jornalista Chris Smith informou que a maior vitória para o UFC seria a derrota de Anderson Silva, em virtude das revanches terem audiências acima da média, mencionando a revanche de Andreson contra Sonnen ter vendido mais de 1 milhão de PPV. Smith afirmou que o Spider reconquista o título na segunda luta e que já estaria programada uma terceira e decisiva luta contra Chris Weidman, que seria uma das mais aguardadas lutas da história do UFC.

Mesmice

Principalmente depois da revanche contra Sonnen, o UFC parecia bem chato para os apreciadores, pois já não havia mais lutadores de nível para lutar com Silva. De fato, nesses mais de 5 anos de reinado, Silva venceu todos os melhores lutadores de sua categoria. Não sobrou ninguém. Por isso foi muito estranha a escolha de Weidman, que apesar de ter um bom cartel, foi escolhido a dedo por Danna White sem que tivesse enfrentado lutadores com mais renome, como Belfort e Sonnen.

Ego ferido?

O soberbo Anderson sempre falou que era o melhor. Bem, terminada a luta, saiu ainda como o melhor, uma vez que perdeu sem mostrar o que sabia. Para todos os efeitos, essa “derrota” não mancharia o cartel de Silva, já que ele não perdeu “pra valer”. Logo, é bem provável que Silva pudesse ter condicionado sua derrota a uma perda de cinturão que não arranhasse sua imagem de imbatível.

Revanche

Silva desconversou dizendo que não quer mais disputar o cinturão. No entanto, o presidente do UFC, Dana White, disse: “Anderson fala coisas em público que não devem ser ditas. Não tem nada mais que ele queira do que essa revanche. Ela está próxima“.

Em entrevista antes da luta em Las Vegas, Anderson Silva fala que gostaria de uma vitória de Weidman(5:00):

Conclusão

Levando todas essas coisas e a forma como a luta ocorreu, é plausível crer que se tratou de uma luta armada. Mesmo que não haja revanche, os EUA (terra do UFC) agora tem mais um campeão, um herói, o homem que destronou Anderson Silva. Anderson já vinha falando que queria parar de lutar. Portanto, a simples saída de Anderson devolveria emoção a categoria e traria mais carisma ao evento.

3 comentários

  1. O boxe,que pra mim, é mais belo que o UFC, praticamente acabou exatamente por conta de corrupção e marmeladas. Parece não mais existir honestidade em nenhum esporte, por isso não perco mais o meu tempo assistindo lutas, fórmula 1 e até futebol.

    Curtir

  2. Todos os esportes são comprados na vdd tudo que está na mídia é manipulado desde reality shows, jogos de futebol etc. Só bobo perde tempo com isso.

    Curtir

Comente com polidez!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s