Abracadabra-magician-abortion

Por que o feto não faria parte do corpo da mulher?

1- O feto não faz parte do corpo da mulher, ele apenas está alojado dentro dela, sendo sua estadia temporária.

2- Se o feto fizesse parte do corpo da mulher, ela já nasceria com o feto no ventre.

3- Se o feto fizesse parte do corpo da mulher, para retirá-lo, seria necessário um procedimento de amputação, não de parto.

4- O feto não tem DNA só da mulher. O feto tem DNA do pai e da mãe. Nenhum ser pode naturalmente fazer parte do corpo de outro com DNA diferente sem que seja feito antes um transplante de orgão.

5- Se não fosse a membrana que protege o feto, este seria expulso do corpo da mulher, pois ele é um corpo estranho dentro dela. Em outras palavras, nenhuma parte do seu corpo é expulsa de dentro de você.

6- A agente ativo na gestação é o feto. É ele que regula o líquido amniótico.

7- É o feto quem, em última instância, diz o momento de sair. Tanto é que, alguns abortos espontâneos acontecem porque o organismo entende a criança como um ser estranho; o que impede dele ser expulso do corpo da mãe é justamente a cápsula protetora.

8- Só porque algo está dentro do corpo de uma mulher não quer dizer que faz parte do corpo dela. Um alimento pode estar dentro do corpo da mulher, mas não faz parte do corpo da mulher. Ainda que o feto fosse igual a um alimento dentro do corpo de uma gestante, ele tem muito mais dignidade que um alimento que é defecado após a digestão.

9- O feto não faz parte do corpo da mulher! Tanto é verdade que se inseminarmos um espermatozóide de um afrodescendente e um óvulo de uma chinesa na barriga de uma indiana, o feto não teria o DNA da gestante. Isso prova por A+B que o feto não faz parte do corpo de quem nem possui parte do DNA dele.

10- Não é porque algo está dentro de você que você pode fazer o que bem entender. Se entra um bebê na sua casa, você não pode expulsá-lo, matando-o como resultado. Se entra um bebê no seu carro, você não pode expulsá-lo do carro o jogando pela janela. Da mesma forma, se há vida humana dentro do seu corpo, não cabe expulsá-la causando sua morte.

11- O corpo não é propriedade inviolável da mulher – e do homem. Se cometermos um crime, o Estado aprisionará nosso corpo numa prisão. Se passarmos mal e formos a um hospital, o Estado nos fará uma transfusão de sangue (muitas vezes sem a nossa aprovação). O Estado nos obriga a vacinarmos nossos corpos contra doenças. Portanto, ninguém faz o que quer com o próprio corpo. Todos nós fazemos com o nosso corpo aquilo que a leis determinam para uma melhor convivência na sociedade. Ninguém pode usar seu corpo para acabar com os direitos e o corpos de outras pessoas. Por isso o aborto é crime.

12- Numa gestação, existem dois corpos e duas vidas diferentes. Tanto isso é verdade que é possível o bebê morrer e a gestante sobreviver e vice-versa. Se o feto fizesse parte do corpo da mulher, suas vidas seriam fatalmente unidas até, pelo menos, o fim da gravidez.   13- Um ser humano normal tem 2 olhos, 2 braços e duas pernas. Se o feto fosse parte do corpo da mulher, estaríamos admitindo que uma mulher pode ter 4 olhos, 4 braços e 4 pernas. Parece um absurdo, mas tem gente vai morrer crendo nisso.

 

 

417031_366772826749426_1792877377_n1762670818

 

Anúncios