EUVÍ: Depois de ser cortada da seleção brasileira Mari não descarta posar nua e pode defender a seleção alemã



A agora ex-ponteira da seleção brasileira Mari fez uma entrevista bombástica com várias declarações polêmicas. Entre os assuntos debatidos ela não poupou nem um pouco o seu ex-treinador Zé Roberto, do qual ela ainda parece guardar um certo rancor pelo que ela define como corte injustificado.

Mari exibindo seus pés descalços
A bela Mari exibindo seus pés descalços

Fui injustiçada. Não tenho mais relacionamento com ele e não faço a menor questão de ter. Não estou pensando em seleção. Sinto o dever cumprido pelo que já fiz. Se eu voltar para a seleção é porque quero e gosto, não porque preciso”, disse a ex-jogadora da seleção.

O Zé Roberto segue a vida dele e eu, a minha. Ele não precisa de mim nem eu dele. Cada um tem que seguir seu rumo. Quando saí, todas as meninas choraram e vieram falar comigo.” 


O Zé Roberto segue a vida dele e eu, a minha. Ele não precisa de mim nem eu dele. Cada um tem que seguir seu rumo. Quando saí, todas as meninas choraram e vieram falar comigo. Disseram que, na semana do corte, o clima dos treinos ficou ruim”, critica Mari. “Provavelmente com ele lá, acho que nem eu nem ele queremos! Mas não sei, tudo pode mudar na nossa vida“, disse ponteira em entrevista à Revista IstoÉ 2016. Também de acordo com a publicação, a atleta poderia até defender a seleção da Alemanha. A jogadora possui ascendência alemã e precisaria apenas ter o passaporte e ficar sem jogar dois anos na seleção brasileira para defender as cores do país da salsicha e do chucrute.

Mari nasceu em Rolândia e apesar disso, não parece ter gostado muito de ficar de fora da seleção. Mari teve uma contusão no ombro e não foi muito bem na Super Liga de 2012 e sua recuperação da contusão fez com que ela não participasse do pré-olímpico e das olimpíadas.

Sheila era a jogadora mais próxima a Mari na seleção.
Sheila era a jogadora mais próxima a Mari na seleção.

Como é de conhecimento de todos, Mari possui uma forte relação de amizade e companheirismo com a oposto da seleção brasileira Sheilla Castro. Sheilla, que atua na posição de oposto dentro das quadras na vida real sempre teve uma posição nada oposta a sua amiga Mari e elas até chegaram a morar juntas durante bastante tempo. Muitas pessoas apontaram que a amizade de Mari e Sheilla teria sido um dos motivos do corte de Mari, outros dizem que Zé Roberto só não cortou ela antes por causa da boa relação que as duas tinham.

A jogadora não descarta posar nua.
A jogadora não descarta posar nua.

Mari apesar de parecer introspectiva era considerada por muitas membras do grupo da seleção como a integrante mais aberta a brincadeiras na seleção brasileira e sua ausência foi bastante sentida nos momentos de intimidade da concentração. Mari sempre demonstrou gostar bastante das meninas da seleção e sua personalidade sempre foi muito bem aceita. Mesmo com seu comportamento mais discreto, seu jeito de ser sempre foi absorvido pelo grupo da seleção que sempre priorizou a diversidade do estilo de cada jogadora.

mari volei ensaio

Contudo, o Brasil venceu as olimpíadas e agora Mari parece estar cada vez mais distante da seleção devido aos problemas pessoais que agoram vem a luz entre ela e o técnico da seleção brasileira Zé Roberto, Mari hoje não esconde que não gosta do homem que ele é devido a forma nada prazerosa que teria sido tirada da olímpiada. Por algum motivo muito mal explicado ambos parecem não simpatizar muito com o outro hoje em dia. Até hoje muitos se perguntam: o que na realidade aconteceu no seio da seleção brasileira para que Mari fosse cortada? Isso ainda permanece sendo um mistério, assim como muitas coisas que aconteciam dentro dos bastidores do vôlei feminino do Brasil.

Em meio aos boatos de seu corte e a polêmica em volta de sua possível ida para a seleção alemã, Mari resolveu ousar. A jogadora fez um surpreendente ensaio fotográfico para explorar mais o lado feminino que existe dentro dela. Ela resolveu atender a vários pedidos que sempre existiram por parte da comunidade de admiradoras e admiradores de sua beleza e fez uma polêmica opção por tirar do armário vários modelitos que exploraram ao máximo sua sensualidade.

shari
A dupla Mari e Sheilla era conhecida como Shari. Alguém se lembra da dupla Roro( Ronaldo e Romário)?
Sheilla ficou do lado da amiga e afirmou que realmente existe desgaste dentro do grupo
Sheilla ficou do lado da amiga e afirmou que realmente existe desgaste dentro do grupo

No seu ensaio Mari não deixou de causar e afirmou:“Eu não sou muito pra esse lado [de fotos e ensaios]. Sou mais para o lado atleta e de jogadora profissional mesmo. Tem muita gente que sempre pediu para que eu mostrasse mais esse meu lado; uma Mari diferente, um pouco mais feminina, um pouco mais sensual. Meus amigos sempre pediam para fazer umas fotos. E eu sempre tive muita preguiça disso, sempre tive muita vergonha. Para mim sempre foi muito difícil estar virada para a câmera. Então acabei demorando um pouco para fazer. Mas agora que fiz, decidi fazer uma coisa mais legal, com estrutura legal”, disse a bela ponteira.

O que antes era praticamente um tabu intransponível, agora é visto até que de forma natural pela jogadora: tirar a roupa. “Tudo depende de tudo, né (risos). Não sou muito a favor, porque sou atleta e tem muita criança que se espelha na gente e vê isso. É uma coisa que posso até pensar no caso, mas mais para o final da minha carreira, quando estiver para parar. Não sei se vou ter coragem. Depende do tipo de proposta, se não for vulgarizar minha imagem.

¨Tem que ser uma coisa muito bonita, muito natural. Nada muito sexy assim. Teria que ser uma coisa bacana. Não sei, teria que pensar. Eu tive uma proposta em 2004 e não quis nem pensar naquela época. Achei que não era o momento. Hoje eu tenho 29 anos e estou um pouco mais adulta. Talvez no final da carreira eu pense na hipótese.”

mari ensaio volei

Mari ainda encontra uma certa resistência em posar nua pelo exemplo que ela poderia estar dando para as crianças que se espelham nela e para o público que ela representa. De qualquer forma, se Mari resolver ousar ainda mais seria natural imaginar que sua revista seria bastante comprada pela sua apaixonada legião de fãs e simpatizantes.

Na entrevista que deu à revista, Mari não escapou de soltar o verbo contra seu desafeto Zé Roberto, e revelou o que para muitos ainda era um segredo. O grupo da seleção estaria rachado com o técnico por um desgaste devido ao longo período de trabalho juntos. Maria teria passado o caminhão por cima do passado e não quer mais falar sobre o ex- técnico, mas uma equipe de jornalismo denunciou que um dos motivos bombásticos para a relação conturbada é que, ao longo do ciclo olímpico, o treinador nunca foi a favor que suas atletas posassem de forma libidinosa ou fizessem ensaios mais ousados. Para Zé Roberto esses tipos de atitudes desviariam o foco.

__

Hoje Mari está fora da seleção e assim estaria livre da prisão moral imposta por seu ex-técnico, que proibia suas comandadas de fazer deteminadas coisas. Agora Mari pode ter atitudes mais liberais sem se preocupar com o aval do seu antigo comandante.

Eu acho que o atleta tem que explorar o máximo possível das coisas boas que estão disponíveis. O vôlei começou a ter uma ascensão grande de uns dez anos pra cá. E acho que as meninas da seleção brasileira sempre ficaram um pouco fechadas a esse tipo de coisa, até porque o Zé Roberto nunca gostou desse tipo de coisa, de revista, de posar nua, de musa. Ele nunca gostou. E todo mundo teve um tipo de ressentimento de fazer esse trabalho. Ele nunca proibiu ninguém, mas todo mundo sabia que ele não era a favor desse tipo de coisa. Acabamos deixando isso de lado”, declarou Mari.

SHARI MARI E SHEILLA

Mari hoje está livre para alcançar seus sonhos, mas ela está distante de suas queridas companheiras de seleção. Se antes Mari atacava dentro das quadras, hoje o que vemos é ela atacando seu antigo técnico com duras palavras. Mari parece ter perdido o clima de jogar na seleção. Agora cabe para o técnico Zé Roberto escolher qual jogadora deve ter a difícil função de substituir Mari e colocar os pés nas grandes pegadas que Mari conseguiu traçar na seleção brasileira. Mari ainda parece guardar uma certa mágoa do treinador que sempre será visto como uma grande pedra no seu sapato.

Esperamos que a nossa eterna ídola Mari possa  alcançar a verdadeira paz tanto na sua vida profissional como na sua vida pessoal e amorosa.

3 comentários

  1. Bela mulher a Mari, possui garbo e sensualidade, além de excelente jogadora. Nada explica seu afastamento, talvez uma armadilha do destino, quem sabe ela não se torne uma estrela do cinema subjetivo alemão? Mari lembra Maria, nome célebre e que lembra os arquétipos junguianos. Mari é bela como uma vitória da seleção, mais ainda, com sua altura especial, a estatura de uma atleta de volei Ela vencerá!

    Curtir

Comente com polidez!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s