EUVÍ: A derrota de Romney é o fim do partido republicano?


Nunca antes na história dos Estados Unidos, um partido se esforçou tanto para dificultar a vida de um presidente.

Obama prometeu sanar a crise financeira e unir o país, no final das contas, não só manteve a economia numa recuperação insuficiente, como dividiu o país como ninguém poderia ter previsto.

Conclusões erradas republicanas:

1-Parecia fácil vencer um presidente que não cumpriu suas promessas de reavivar a economia.

2-Parecia fácil vencer um presidente que  aumentou a dívida do país em 4 trilhões.

3-Parecia fácil vencer um presidente que  criou uma lei de saúde que vai aumentar os impostos na população e aumentar os custos para os empregadores.

4-Parecia que escolher um moderado em meio a um partido radicalizado seria a melhor opção para vencer.

6-Parecia que escolher um ex-governador com perfil de criador de empregos seria a melhor opção contra um candidato com um resultado medíocre na economia.

7- Parecia que jovens, negros e latinos, que são os mais afetados pela crise, não iam comparecer em peso no dia da eleição.

8- Parecia que gastar milhões de dólares em propagandas de tv iria apagar as mentiras que a equipe de Obama tinha colocado na cabeça das pessoas sobre Romney.

9- Parecia que os indecisos iriam apoiar o desafiante, e não o presidente.

10- Parecia que dava pra vencer se o Romney vencesse entre os independentes por mais de 10%.

Parecia né.

Mesmo com os republicanos tendo feito que milhões de fiéis das mais diferentes religiões comparecesse em peso nessa eleição, a coalisão democrata de jovens, negros e latinos suplantou esse esforço de forma convincente.

Antes os negros eram 11%, os latinos eram 8% e os jovens eram 17%. Hoje, os negros são 13%, os latinos são 10% e os jovens são 19%, ou seja, só os grupos em que Obama possui grande vantagem, ele já começaria a eleição com 40%. Romney para ter vencido teria que conquistar 2 terços dos votos do resto da população, o que era impossível e mesmo assim ele quase conseguiu.

Essa eleição prova uma coisa, A DEMOGRAFIA MUDOU, os republicanos não podem mais vencer com 60% do voto dos brancos e mais alguns votos latinos. Isso mostra que é praticamente impossível para um republicano vencer uma eleição.

Se o candidato for contra a imigração ilegal, perde o voto latino e perde a eleição. Se o candidato for contra o casamento gay ou o aborto, perde o voto dos jovens e perde a eleição.

Só existe uma saída para o partido republicano, mudar. Não se surpreendam se depois dessa eleição vocês virem uma nova geração de republicanos pró-aborto e pró-casamento gay que possuem visões mais moderadas quanto a imigração. Não seria impossível prever que os mais radicais em assuntos sociais iriam sair do partido. Já tem até conservador falando que os republicanos só perderam porque não escolheram um candidato mais radical.

Agora o partido republicano com a vitória de Obama tem duas opções:

1- Dar uma guinada para o centro para poder sobreviver e negociar com o Obama.

2- Aumentar ainda mais o tom e o radicalismo caso o presidente cometa algum erro.

O que que você acha que eles vão escolher?

Essa foi a eleição mais importante da história dos Estados Unidos na opinião de muitos. Quem vencesse ia fazer a lei da imigração e assim o partido que a implementasse iria arrebanhar o eleitorado latino por gerações. Quem vencesse essa eleição iria escolher 3 ministros do Supremo, e poderia assim mudar a Constituição. Quem vencesse essa eleição poderia ou acabar ou implementar de forma irreverível a Obamacare(lei da saúde). Quem vencesse essa eleição iria ter que lidar com o ABISMO FISCAL, que obrigaria o partido a aumentar muito os impostos para conter o aumento da dívida.

Bem, Obama venceu e vai ter de lidar com o abismo fiscal, é por esse motivo que eu preferia o Romney, apesar de todos os seus muitos defeitos, Romney ia ter coragem de ser austéro e cortar benefícios para conter o avanço da dívida, Obama jamais fará isso, ele vai continuar gastando e provocando o ódio da oposição.

Antes de terminar, gostaria de salientar a força e a coragem de Mitt Romney, que pode ser bem pior que Obama em vários aspectos, mas fez TUDO o que pode para tentar chegar a Casa Branca. No final das contas, me sinto triste por Romney, porque sei que ele jamais terá uma outra chance de ser presidente, mas eu me sinto triste mesmo é pelos Estados Unidos, que jamais terá outra chance de tê-lo como presidente.

Daqui a 4 anos,quando os americanos estiverem com frio e quiserem acender o aquecedor de suas casas para acalentar suas famílias com frio e aí descobrirem que não dinheiro para fazer isso; nesse momento eles vão lembrar de uma coisa: ELEIÇÕES TÊM CONSEQUÊNCIAS!

3 comentários

  1. jovens no brasil são no mínimo 80% liberais sociais
    não os vejo votando em um candidato moralista/conservador
    odeiam o pt não por ele apoiar todo o marxismo cultural e sim por algum motivo imbecil dinheirista

    Curtir

  2. o brancos americanos que geralmente votam nos republicanos nem tem mais filhos

    Curtir

Comente com polidez!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s