EUVÍ: Você realmente defende o Obama? Eu não! Hit the road Obama, and don’t come back no more no more…


image

Estava lendo o blog do jornalista Gustavo Chacra do Estadao, ele fez um post interessante fazendo perguntas sobre o primeiro mandato de Obama e resolvi me perguntar se eu defendo o governo do Obama.

1- Como Obama, você defende a deportação de 1 milhão de imigrantes sem documento?

Sim, defendo. Imigração ilegal é e continua sendo ilegal, apesar de todo o discurso liberal, Obama fez o que o presidente deve fazer.
Os imigrantes custam caro para o Estado e agora disputam empregos com americanos por causa da crise. O momento de crise favorece uma política de imigração mais dura.

2- Como Obama, você defende que, para descobrir como funciona o tráfico, armas sejam enviadas para traficantes (operação fast and furious)?

Não, não defendo. Esse é um grande escândalo da administração Obama, olhando superficialmente é um absurdo. Mas a infindável guerra santa que Obama sustenta contra as drogas obriga o governo a tentar se infiltrar nos cartéis para depois demantelá-los.
image

3- Como Obama, você defende o protecionismo dos EUA, afetando as exportações brasileiras e a economia do nosso país?

Sim, defendo. Mitt Romney é a favor do livre comércio, o que seria favorável ao Brasil. Porém, até os economistas mais conservadores como Milton Friedmann diziam que em condições como estas, seria loucura não haver protecionismo.

4- Como Obama, você acha que um presidente não deva citar a América Latina em seu discurso na convenção democrata?

Sim, acho que não devia. O discurso na convenção deve citar os Estados Unidos e sua agenda para o país, não ficar citando outros países.

5- Como Obama, você acha que a Rio+20 deveria ser sabotada?

Não, não acho. Crescimento econômico pode andar junto com medidas ambientais, sem excessos, é claro.
image

6- Como Obama, você acredita que a legalização da maconha deva ser combatida com dureza?

Sim, a maioria da população também acha que deve ser combatida, ele é o representante da população.

7- Como Obama, você defende os bombardeiros com drones contra suspeitos de terrorismo sem direito a julgamento?

Sim, terrorismo é terrorismo. Quem defende a morte e o medo contra inocentes não deve ser tratado como inocente em todas as situações. É bom lembrar que os terroristas declararam guerra aos EUA, guerra é guerra.

8-  Como Obama, você não vê problemas em Israel e Palestina não negociarem a paz há quatro anos?

Não, eu vejo problema sim. Israel e Palestina devem viver em paz.

9- Como Obama, você considera um adversário Benjamin Netaniahu, o único prêmie israelense da história a congelar a construção de assentamentos e incentivar a economia palestina?

Não, não considero. Benjamin Netaniahu é o maior líder do mundo hoje, o Winston Churchil de nossos dias, enquanto os líderes mundiais encontram dificuldades para se reelegerem, Netaniahu consolidou o poder em seu país e calou ou cooptou a oposição.

10- Como Obama, você é contra a aceitação da Palestina na Unesco?

Sim, sou contra. A Palestina só deve entrar na Unesco quando mostra que tem condição de viver em paz na região e coibir o terrorismo.
image

11-  Como Obama, você acha certo os Estados Unidos serem aliados de nações onde há apartheid contra mulheres, como Arábia Saudita e Qatar?

Sim, acho certo. Os Estados Unidos não pode impor seus valores para todo o mundo, ele deve conseguir fazer alianças estratégicas para garantir o equilíbrio financeiro e geopolítico mundial.

12- Como Obama, você defende a multiplicação de tropas na guerra perdida do Afeganistão?

Não, não defendo. Diferente da guerra no Iraque, a guerra no Afeganistão teve justificativa, entretanto, é uma guerra cara e sangrenta que não tem como ser vencida.

13- Como Obama, você defende grupos rebeldes ligados à Al Qaeda na Síria?

Sim. A Síria é aliada do maior inimigo dos EUA na região, o Irã. Logo, os EUA devem armas os inimigos do regime genocida sírio. O inimigo do amigo do meu inimigo é meu amigo.

14- Como Obama, você retiraria da lista de grupos terroristas uma organização que foi apoiada e bancada por Saddam Hussein para realizar atos terroristas?

Sim, melhor usar a realpolitik nesse caso e apoiar os grupos que têm condições de trazer estabilidade política ao país.

15- Como Obama, você discursaria para o mundo islâmico e em seguida se reuniria com o ditador Hosni Mubarak?

Sim, pragmatismo era a lógica da época, se aliar com um ditador era melhor que ganhar um inimigo na região.
image

16- Como Obama, você gastaria bilhões de dólares dos americanos para socorrer grandes empresase deixaria as pequenas quebrarem?

Não, eu não gastaria. Obama copiou Bush e ajudou as grandes empresas, o certo seria estas empresas aprenderem com os próprios erros e se reinventarem, se adaptando para a realidade.

Ajudar o que está indo na direção errada é desperdício de recurso e apenas tende a postergar o fracasso.

17- Como Obama, você avalia que o governo deva cobrar mais impostos?

Não, aumentar os impostos pode ser prejudicial para a economia.

Aumentar os impostos para os mais ricos pode ser popular, mas você está tirando recursos de quem investe e emprega as pessoas. Aumentar os impostos nos ricos pode causar fuga de capitais e ser ruim para a economia.

18- Como Obama, você gastaria bilhões de dólares em medidas fracassadas que falharam em reduzir o desemprego para quase 11% da população?

Não, Obama deveria ter reduzido os impostos para os setores que empregam mais, ter reduzido as regulações e burocracias.

19- Como Obama, você esperaria até o quarto ano para reconhecer o direito de homossexuais se casarem?

Não, Obama era a favor, virou contra e agora é a favor de novo.

20- Como Obama, você anunciaria o ataque a Líbia em território brasileiro, mesmo o Brasil sendo contra o ataque?

Sim, Obama deve anunciar o ataque se preciso em qualquer lugar, a ação na Líbia foi um sucesso na época e só hoje podemos imaginar que tirar Kadafi do poder foi uma má ideia.
image

Conclusão:

Das 20 perguntas, se fosse presidente faria 11 igual ao Obama, mas as 9 que discordo são muito mais importantes para a economia.

Obama gastou dinheiro público para incentivar empresas com fins ecológicos. Muitas dessas empresas faliram e se mostraram ou um investimento ruim, ou um investimento de longo prazo.

Obama retirou permissões para extração de petróleo na costas, bloqueou o projeto para criar um oleoduto que traria recursos naturais do Canadá e aumentou as restrições para extração de carvão. Todas essas medidas ecológicas desperdiçaram milhões de empregos.

Obama criou a obamacare, a nova lei de saúde do país que universaliza o acesso à saúde. Tal medida, além de custar mais caro do que ele imaginava, aumentará os gastos para os empregadores empregar e aumentará impostos para a população.

Obama, através da obamacare, obriga hospitais católicos a prover anticoncepcionais a seus funcionários. Isso violaria a liberdade religiosa do país, pois obrigaria hospitais católicos a agirem contra suas convicções religiosas.

Obama não votou a lei de imigração que ele disse que faria no primeiro dia de seu governo.

Obama disse que cortaria a dívida na metade e a aumentou em mais de 5 trilhões. Obama não conseguiu fazer nenhum orçamento que não causasse déficits.

Obama não soube lidar com a oposição, dividiu o país que disse que uniria.

Obama disse que se o pacote de estímulo fosse passado na câmara, o desemprego cairia para 5%, bem não ficou a baixo de 8%. O desemprego entre negros e latinos é ainda maior. Muitos desistiram de procurar emprego e se fossem contados o desemprego seria de 11%.

Obama falhou na condução econômica e seguiu várias políticas fracassadas de Bush.
image

A recuperação econômica é a pior desde a grande depressão, o crescimento de 2011 foi menor que o de 2010, que por sua vez foi menor que 2009.

Obama teria dito que o embaixador da Líbia morreu por causa de um vídeo, quando na verdade já haviam memorandos alertando de um ataque terrorista o mataria muito tempo antes do ocorrido.

Obama é protegido pela imprensa, mas é difícil alienar as pessoas de suas próprias realidades.

Obama também fez muitas coisas boas, entre elas, a condução da morte de Osama Bin Laden. É certo que pegou o país numa situação

Anúncios

Comente com polidez!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s