EUVÍ: Debate dos vices Biden vs Ryan e previsão de quem vencerá a presidência dos Estados Unidos em 2012



Outro dia ví que uma reportagem sobre divórcio, mais e mais casais decidem se separar um dos outros deixando pra trás uma vida infeliz no passado e encarando uma nova vida pela frente.

Até ai nenhum problema, só que esta virando moda o cara não aceitar perder a mulher e começar a perseguir e ameaçar a ex-mulher, ela vai na delegacia da mulher e o cara ameça que vai matá-la se ela ousar se envolver com “outro homem”.

No final das contas depois de muitas agressões verbais, o cara se sente no direito de sequestrar a mulher e forçar ela a “voltar pra ele”, nesse momento a mulher tem de escolher, ou minto dizendo que volto pra esse louco ou ele explode minha cabeça aqui mesmo.

Na vida escolhas às vezes são acompanhadas de dilemas, resolvi ver o debate entre vices na campanha presidencial americana em que participaram o vice de Obama, Joe Biden e o vice de Romney, Paul Ryan.


Joe Biden é católico, senador de Delaware várias vezes, bastante liberal e conhecido por falar besteira de vez em quando, ele ataca a oposição sempre que pode, já que Obama não pode parecer muito agressivo, Biden faz sempre o trabalho sujo.

Paul Ryan é católico, deputado por Winsconsin várias vezes, um leão fiscal, pertence a elite intelectual do partido republicano, é conhecido por ser chefe da comissão de orçamento e sabe como ninguém os números que regem a economia, é visto como um radical, e realmente é o que ele é, no entanto é jovem, caçador e corre 90 minutos por dia 6 vezes por semana.

Bem, sem viés, o debate tinha tudo pra pegar fogo devido a polaridade ideológica dos participantes, mas foi um debate chato pra caramba.

A moderadora, que quando se casou a 15 anos atrás teve como convidado o nada pouco ilustre Barack Obama, não fez um bom trabalho, interrompeu Ryan MUITAS vezes, sem deixar que ele terminasse seu raciocínio.

Biden começou o debate muito melhor, tinha um sorriso carimbado no rosto contrastando com a seriedade e realismo de Ryan.

Biden sorria quando falaram sobre o fato de que Obama disse que o embaixador morto na Líbia morreu por causa de um vídeo que denegria o islã, quando na verdade todos sabem que foi um atentado no aniversário do 11 de setembro.

Biden sorria ao falar do péssimo estado da economia, sorria ao falar das guerras no Iraque e Afeganistão, sorria ao falar sobre a enorme dívida do país, tudo era motivo pra sorrir.

Além disso, ele fazia um show a parte fazendo caretas e gesticulando de maneira desrespeitosa a cada ponto que Ryan fazia, além da moderadora, Biden também interrompeu Ryan o quanto pode.

Ryan, se deixou dominar pelo patético Biden, preferiu ser educadinho, falando dos números decorados que ele tem na cabeça, perdeu a oportunidade falar algumas verdades arrasadoras para Biden.

Biden não perdeu nenhuma oportunidade de jogar no debate TODOS os pontos fracos do republicanos, de Romney e do plano de governo de Ryan.

cachorro-com-bandeira-dos-estados-unidos-003f8

Ao final do debate um tema indegesto: aborto.

Biden disse que era católico, acreditava no que a igreja dizia sobre o aborto, mas não impunha sua fé a outras pessoas e que luta pelos direitos das mulheres (só as que estão fora do ventre materno) em decidir sobre seus próprios corpos.

Ryan, que pessoalmente é contra o aborto em TODOS os casos, disse que seu plano de governo dá direito ao aborto nos casos de incesto, estupro, etc… Ele disse que era contra o aborto devido a motivos de lógica racional e científica.

Nesse tema, ambos pareceram bem sentimentais e contidos, Biden parou de sorrir, mas alertou que se os republicanos ganhassem iam banir o aborto do país, algo improvável.

Na pesquisa da CBS, Biden venceu o debate com 50% contra 31% de Ryan, na CNN, Ryan vencey com 48% contra 44% de Biden, todas as outras pesquisas apontaram uma vitória de Ryan, mas ouve um consenso entre os comentaristas que foi ou um empate ou uma vitória de Biden.

O desempenho de Biden mantém a chama obamista queimando, ele conseguiu fazer com que a base democrata visse que um candidato liberal pode sim ser agressivo mesmo quando depois de 4 anos não conseguiu fazer o que prometeu.

No entanto, agressividade nunca é boa para conseguir votos indecisos, 28% dos 51 milhões de telespectadores do chato debate disseram que estão mais propícios a votar nos republicanos, 21% dos mesmos, mais propícios a votar nos demos.

Previsão:

O colunista da Veja Caio Blinder lançou um desafio, adivinhar o resultado da eleição americana no colégio eleitoral e na porcentagem de votos, minha nossa, tenho um CERTEZA, vou errar feio! Mas não me importo em compartilhar minha precisão com a turminha do blog.

Primeiro vamos ao colégio eleitoral, acredito que Romney vença todos os estados que John Mccain venceu, isso eu tenho certeza.

Agora vamos aquilo que posso e devo errar, acredito que Romney vencerá o Estado de Indiana, graças ao debate estamos vendo um derretimento da campanha de Obama com a pequena melhora na economia e a descoberta de que Obama estava “equivocado” ao dizer que a morte do embaixador na Líbia não foi um atentado terrorista.

Bem começo minha previsão com uma ressalva, se Obama conseguir assinar um tratado de paz com o Irã, ele será visto como um verdadeiro líder mundialmente, e com razão, mostrará que mereceu seu “prêmio Nobel da paz”, evitará um guerra de proporções bíblicas no oriente médio que o mundo não esta preparado para ver. Se ele fizer isso vence.

Como não acredito que ele consegue, prossigo minha previsão baseada nas pesquisas vistas no site realclearpolitics e no blog liberal do new york times, fivethirtyeighty.

Romney deve vencer a Florida, Carolina do Norte e Colorado, onde ele ja esta vencendo no momento, isso é bem provável.

Se a tendência de crescimento de Romney se confirmar num segundo bom debate contra Obama ele pode vencer estados onde esta atrás por pouco, como Virgínia, Iowa, Nevada, New Hampshire e o mais importante de todos, onde Obama esta vencendo, Ohio.

Acredito que Romney repetirá um bom desempenho nos debates e ganhará terreno nas pesquisas terminando com 291 contra 247 de Obama, na votação, outros candidatos 3%, Obama 47,3 e Romney 49,7.

Mas alerto que essa é a previsão de quem disse que Russomano ia vencer a eleição em São Paulo e depois disse que José Serra ia vencer o segundo turno, da próxima vez eu aposto no que eu achar que vai perder, talvez assim, quem sabe eu não acerte?

untitled11.jpg

Comente com polidez!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s